Arquivo do mês: julho 2009

Investigação em Neurociências na UMinho

Investigação em Neurociências da UMinho, sobre Stress e Decisões, publicada na revista Science

Science 31 July 2009:
Vol. 325. no. 5940, pp. 621 – 625
DOI: 10.1126/science.1171203

Reports

Chronic Stress Causes Frontostriatal Reorganization and Affects Decision-Making

Eduardo Dias-Ferreira,1,2,3 João C. Sousa,1 Irene Melo,1 Pedro Morgado,1 Ana R. Mesquita,1 João J. Cerqueira,1 Rui M. Costa,2,4,* Nuno Sousa1,*

The ability to shift between different behavioral strategies is necessary for appropriate decision-making. Here, we show that chronic stress biases decision-making strategies, affecting the ability of stressed animals to perform actions on the basis of their consequences. Using two different operant tasks, we revealed that, in making choices, rats subjected to chronic stress became insensitive to changes in outcome value and resistant to changes in action-outcome contingency.
Furthermore, chronic stress caused opposing structural changes in the associative and sensorimotor corticostriatal circuits underlying these different behavioral strategies, with atrophy of medial prefrontal cortex and the associative striatum and hypertrophy of the sensorimotor striatum.
These data suggest that the relative advantage of circuits coursing through sensorimotor striatum observed after chronic stress leads to a bias in behavioral strategies toward habit.

1 Life and Health Sciences Research Institute (ICVS), School of Health Sciences, University of Minho, 4710-057 Braga, Portugal.
2 Section on In Vivo Neural Function, Laboratory for Integrative Neuroscience, National Institute on Alcohol Abuse and Alcoholism, National Institutes of Health, Bethesda, MD 20852–9411, USA.
3 Ph.D. Programme in Experimental Biology and Biomedicine (PDBEB), Center for Neuroscience and Cell Biology, University of Coimbra, 3004-517 Coimbra, Portugal.
4 Champalimaud Neuroscience Programme at Instituto Gulbenkian de Ciência, Rua da Quinta Grande, 2780-901 Oeiras, Portugal.

Universidade do Minho

“O estudo “Chronic Stress Causes Frontostriatal Reorganization and Affects Decision-Making”,  publicado, sob o formato de full-paper, na revista Science, vem comprovar que a exposição crónica a stress nos ratos (de laboratório, of course!) influencia os processos de decisão, tornando-os mais dependentes de hábitos e menos orientados por objectivos.

EV_2325_20090730708549127285

Este estudo, conduzido por 8 neurocientistas portugueses, tem importantes implicações em várias áreas.

A demonstração de que o stress favorece decisões habituais tem impacto na etiologia de várias patologias neurológicas e psiquiátricas, nomeadamente perturbações obsessivo-compulsivas e comportamentos aditivos.

Contudo, as consequências deste achado ultrapassam os limites dos quadros patológicos, sendo relevantes para as nossas actividades diárias.

O estudo permite compreender melhor quais os factores que influenciam os processos de tomada de decisão e, em particular, como a exposição prolongada ao stress afecta os circuítos cerebrais que determinam as nossas (menos boas) decisões, na medida em que decisões que normalmente teriam em linha de conta as respectivas consequências, passam a ser baseadas em hábitos.

Assim, em última análise, esta descoberta abre novas perspectivas para a modulação dos processos de decisão.

O trabalho demonstra que o stress crónico altera a estrutura dos circuitos neuronais que ligam o córtex pré-frontal (que em larga medida se assemelha à memória RAM de um computador) ao estriado. Mais precisamente, o circuito responsável pelos comportamentos orientados por objectivos (córtex pré-frontal medial e estriado dorsomedial) apresenta uma atrofia dos prolongamentos dendríticos neuronais após exposição a estímulos indutores de stress, enquanto os neurónios do componente dorsolateral do estriado, implicado em acções habituais, apresentam um crescimento dendrítico após stress. Como resultado destas alterações estruturais, há uma vantagem competitiva do circuito neuronal responsável pelos comportamentos habituais, o que explica porque motivo os indivíduos submetidos a stress crónico insistem neste tipo de comportamentos, mesmo quando as condições não o justificam.

O estudo, de Eduardo Dias-Ferreira e colaboradores, foi realizado no Instituto de Investigação em Ciências da Vida e da Saúde (ICVS), uma unidade da Escola de Ciências da Saúde da Universidade do Minho, por uma equipa liderada por Nuno Sousa (ICVS) e Rui Costa (National Institutes of Health e Fundação Champalimaud).

Neste momento, estes investigadores estão a explorar mecanismos moleculares e funcionais que estão na base deste achado de forma a desenvolver no futuro novas estratégias com implicações nos processos de decisão, nomeadamente com finalidades terapêuticas”.

ver mais …

Anúncios

A saber …

Logo_bolonha

“O processo de Bolonha pode agora progredir porque se está a nacionalizar a sua organização, pela regulamentação do Quadro Nacional de Qualificações, através da Portaria n.º 782/2009, de 23 de Julho.
.

Abrange todos os níveis de ensino incluindo o superior, a formação profissional e os processos de reconhecimento, validação e certificação de competências (formais e informais) desenvolvidos no âmbito do Sistema Nacional de Qualificações – Decreto-Lei n.º 396/2007, de 31 de Dezembro.
.
Estrutura-se em oito níveis de qualificação, definidos por um conjunto de descritores (Anexo I da Portaria) que especificam os resultados de aprendizagem correspondentes às qualificações dos diferentes níveis;
.
Inicia-se a 1 de Outubro de 2010.
.
Revoga a aplicação da estrutura de níveis de formação, estabelecidos na Decisão n.º 85/368/CEE, do Conselho, de 16 de Julho, publicada no Jornal Oficial das Comunidades Europeias, n.º L 199, de 31 de Julho de 1985.
.
Boas leituras….”

“CAPTAR” informação científica por via on-line

https://i1.wp.com/captar.web.ua.pt/media/thumbs/Capa1.jpg
Universidade de Aveiro tem revista on-line de ciência 
09.07.2009 – 10h21 PÚBLICO

“A «CAPTar– Ciência e Ambiente para todos» está on-line desde ontem e especialmente é dirigida a alunos e docentes do ensino básico secundário mas com acesso aberto a toda a gente. Um projecto da Universidade de Aveiro (UA) para todos”.

ver mais …

92 borboleta

foto da Captar